Quem Somos

Fiquem Sabendo é um site de jornalismo de dados independente, que se propõe a revelar informações de interesse social que o poder público não divulga.

Nossa missão é veicular, por meio de uma linguagem clara, transparente e de fácil compreensão, séries estatísticas que permitam ao leitor compreender como os serviços públicos estão sendo prestados em São Paulo e de que forma o dinheiro do contribuinte está sendo gasto.

Utilizamos como principal meio de obtenção de dados os sites dos Serviços de Informação ao Cidadão, criados pelo poder público, por determinação da Lei nº 12.527/2011. Conhecida como Lei de Acesso à Informação, ela entrou em vigor no dia 18 de maio de 2012 e tem de ser obedecida por todos os órgãos da administração pública direta e indireta do país.

Nossa proposta é contextualizar números que afetam a vida de milhões de pessoas e contar as histórias de algumas delas, por meio de texto, fotos, infográficos e vídeos.

A divulgação desse conjunto de dados é livre e independe de citação do trabalho desenvolvido por este site. Não disponibilizamos informações sigilosas nem pessoais, classificadas desta forma por determinação legal, para não incorrermos no crime de divulgação de segredo, previsto no art. 153, § 1o-A, do Código Penal.

O Fiquem Sabendo acredita que uma sociedade democrática não funciona adequadamente sem uma base sólida de estatísticas confiáveis e objetivas.

O Autor

Léo Arcoverde, 32 anos, potiguar, repórter há 13 anos e estudante de direito, iniciou a carreira no Diário de Natal (RN). Fez reportagens para mais de dez veículos, entre jornais, revistas, sites e rádio, de sete diferentes Estados do país, como Folha de S. Paulo (SP), Correio Braziliense (DF) e O Lance! (RJ).

Mora em São Paulo desde 2007. Trabalhou nas revistas Caros Amigos e Retrato do Brasil. Foi redator da coleção A Ditadura Militar no Brasil (Caros Amigos Editora). Em 2008, uma matéria de sua autoria sobre a linha de ônibus com o itinerário mais longo da cidade de São Paulo foi publicada pela revista de grandes reportagens italiana Internazionale.

Foi repórter do jornal Agora São Paulo (2009-2015).

É fundador e editor-chefe do site de jornalismo de dados Fiquem Sabendo.


About us

Fiquem Sabendo is an independent data journalism website that aims to expose information of social concern not disclosed by the government to the public.

Our mission is to broadcast through a plain, clear and transparent language, statistical series which allow readers to understand the way public services are being delivered in São Paulo, and how taxpayer money is being spent.

Our primary means of data collection are the sites of Information Services to the Citizen, created by the government through Law n. 12,427/ 2011, also known as the Access to Information Act, which went into effect on May 18, 2012, and must be complied with by every direct and indirect public administration agency in the country.

We propose to contextualise figures which affect the lives of millions of people, and tell the stories of some of these individuals through text, photos, graphics, and videos.

The disclosure of data is free and independent of citations of the work developed by this website. We do not disclose sensitive or personal information, thus classified by legal determination lest we incur crime of qualified information disclosure provided for in Article 153, § 1o-A, of the Criminal Law.

Fiquem Sabendo believes that a democratic society cannot function properly without a solid foundation of reliable and objective statistics.

About the Author

Leo Arcoverde (30) was born in Rio Grande do Norte, Brazil. He has been a reporter for eleven years, and is a law student. His career started at Diario de Natal, a newspaper from his hometown. As a reporter, he has had many of his works published in more than ten different media, including newspapers, magazines, websites and radio stations from different states in the country, such as Folha de Sao Paulo (Sao Paulo), Correio (Federal District), and O Lance! (Rio de Janeiro).

Arcoverde has lived in Sao Paulo since 2007. He wrote for the magazines Caros Amigos (Portuguese for ‘Dear Friends’), and Retrato do Brasil (Portuguese for ‘Portrait of Brazil’). He was the editor of the A Ditadura Militar no Brasil (Military Dictatorship in Brazil) collection, published by Caros Amigos. In 2008, Internazionale, a major Italian news magazine, published a story by Arcoverde about a bus line with the longest route in the city of Sao Paulo.

He worked as a reporter for the newspaper Agora São Paulo (2009 – 2015)

He is the founder and editor in chief of the data journalism website Fiquem Sabendo.